Evaristo Piza chora com a eliminação do Belo na Série C

O técnico Evaristo Piza, do Botafogo-PB, foi o porta-voz do clube na triste missão de falar à imprensa – e, por tabela, aos torcedores botafoguenses – após o fim do sonho do Belo de conseguir o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro de 2019. Com o insucesso no objetivo, o treinador alvinegro chorou. E, em coletiva de imprensa no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, visivelmente emocionado, ele pediu desculpas aos dirigentes e à torcida. Minutos antes, o time havia perdido por 1 a 0 para o Botafogo-SP, com um gol sofrido nos acréscimos do segundo tempo, e por 4 a 3 nos pênaltis. Num domingo triste para os alvinegros que carregam a Estrela Vermelha no peito.

– O Botafogo-PB é um clube que me recebeu muito bem, me deu estrutura para trabalhar. Todos da diretoria: Zezinho, Novinho, Sales, Breno… Quando eu estava sendo contratado, eu prometi para Breno que ia abraçar a causa do clube e me dedicar ao máximo para conseguir a classificação e o acesso. E eu não cumpri. E eu peço desculpa a ele e à torcida – finalizou Piza, embargando a voz.

 

GloboEsporte.com, João Pessoa

COMPARTILHAR