MUDANÇA DE SIGLA

Depois de 30 anos de militância no PT, como um dos seus fundadores, o Ex Deputado Jeová Vieira Campos deu sinais que irá deixar as hostes daquele partido político.

Alegando falta de prestígio junto ao diretório estadual do PT, Jeová afirmou em entrevista a algumas emissoras de rádio em Cajazeiras que o PT da Paraíba o abandonou e na campanha passada onde tirou quase 70 mil votos o partido deu prioridades a outros candidatos e que o atual Prefeito de João Pessoa nem sequer um telefonema lhe deu após sua eleição.

É lamentável sob todos os aspectos a separação de um casamento duradouro, afinal são trinta anos de “feliz união conjugal” entre o PT e Jeová. O que podemos chamar de verdadeiro amor, era esse relacionamento, um dos mais ferrenhos defensores do governo petista e um militante ousado, era essa a visão dos sertanejos em relação ao Jeová.

Como é que um partido abandona o seu mais fiel defensor? Como é que o PT paraibano trata um dos seus maiores “puxadores de votos”, sim, afinal foram quase 70 mil votos sufragados para o Jeová na última eleição para Deputado Federal? Desafiamos ao PT paraibano se existe na Paraíba um militante capaz também de transferir votos como o Jeová?

Que ingratidão! Que falta de respeito e consideração!

Ingratidão, sim! Jeová foi o militante que mais promoveu o PT no alto sertão, e porque não dizer, na Paraíba. Apontem-nos outro? Quem foi o primeiro a acreditar na candidatura do Lula à Presidência da República? Quem acompanhava o Lula em sua peregrinação por esse Nordeste afora, quando ninguém acreditava?

Esperamos que o PT paraibano reflita as suas ações em relação ao Jeová.

COMPARTILHAR