Operação contra caça de animais silvestres apreende papagaio que imita sirene da polícia

Um operação contra a caça predatória e a criação de aves silvestres, iniciada no dia 22 de outubro, resultou na prisão de quatro pessoas e na apreensão de 12 armas até a manhã deste domingo (27). Alguns animais também foram resgatados, dentre eles, um papagaio-fêmea chamado Helena, que chamou a atenção por imitar o som da sirene da polícia. O pássaro foi encontrado na casa de um dos caçadores.

Segundo o tenente Paulo Yrtonny, da Polícia Militar Ambiental, o papagaio foi encontrado na última sexta-feira (25) na casa de um caçador na cidade de Independência que atuava nas reservas da cidade de Crateús e em propriedades particulares.

Apesar de não ter encontrado o suspeito, os agentes conseguiram apreenderam vários pássaros, dentre eles o papagaio Helena. Os animais foram levados para a Delegacia de Crateús.

Operação Caatinga 

Ainda segundo o tenente Yrtonny, a operação deve continuar até o dia 2 de novembro e está sendo realizada na cidade de Crateús e em cidades vizinhas.

Das 12 armas de fogo apreendidas, nove são de fabricação industrial e três de fabricação artesanal.

“Todas as ocorrências para nós tem uma suma importância porque cada arma e cada munição que se tira de um caçador é uma preservação futura que a gente dá à espécie, seja da caatinga, seja da floresta do Ararié, seja da flora da Ibiapaba. Tem um efeito surpreendente”, comemora o militar, que já realiza o trabalho de combate a caçadores da região há 5 anos.

 

Diariodonordeste.verdesmares.com.br

COMPARTILHAR