Caminhada marcou abertura da C.da Fraternidade em Cajazeiras-PB

Fotos Beto Cézar/Alto Sertão.com.br

Aconteceu neste sábado,  20, a abertura da Campanha da Fraternidade Ecumênica na Diocese de Cajazeiras. Todos os anos no Tempo Quaresmal toda a Igreja no Brasil vivência a Campanha.

A programação teve inicio às 16hs com concentração na escadaria do Açude grande, em Cajazeiras – PB. Os fiéis se reuniram defronte ao cruzeiro das Santas Missões Populares e após apresentação com Padre Diassis, seguiram em  caminhada pelas principais ruas da cidade até a Catedral da Piedade.

O tema escolhido para a Campanha é “Casa comum, nossa responsabilidade”, e o lema, “Quero ver o direito brotar como fonte e correr a justiça qual riacho que não seca” (Am 5.24).

A reflexão da CEF 2016 será a partir de um problema que afeta o meio ambiente e a vida de todos os seres vivos, que é a fragilidade e, em alguns lugares, a ausência dos serviços de saneamento básico em nosso país. O texto base está organizado em cinco partes, a partir do método “ver, julgar e agir”. Ao final, são apresentados os objetivos permanentes da Campanha, os temas anteriores e os gestos concretos previstos durante a Campanha de 2016.

Nota de repúdio da nossa Redação por atitude mesquinha do Padre Janilsom Rolim, com o nosso repórter Beto Cézar que cobria o evento gratuitamente.

O nosso repórter trabalhava fazendo fotos e vídeos do evento, exatamente em cima da escadaria da parede do açude grande de Cajazeiras, quando de repente em atitude estranha, deselegante, truculenta e arrogante foi chamado pelo padre Janilsom Rolim, para se retirar do local. Pois o nosso repórter, segundo o todo poderoso padre, estaria atrapalhando uma apresentação de jovens no referido evento.

Sem dar uma palavra educadamente Beto Cézar, se retirou do local, fato este que foi de estranheza das pessoas que estavam presentes na solenidade.

Nosso repúdio a agressão sofrida pelo nosso repórter, que exercia sua função devidamente caracterizado com o seu crachá e identificação como membro da Imprensa.

Fra um

Fra quatro

 

 

Redação/Alto Sertão.com.br

COMPARTILHAR